Arquivo da categoria: Reigiosa

Pe. Fábio de Melo, suas músicas me inspiram

Querido Padre, gosto muito de ouvir suas músicas, e elas me inspiram. A liberdade teológica que resolvi seguir em minha vida só pode ser plenamente entendida por um teólogo que saiba respeitar, e que confie em um Deus maior baseado no amor como eu confio.

Pe. Fábio de Melo

O meu amor é tão grande, mas muitas vezes difícil de sobreviver, e não desistir do amor é uma ordem de primeira para um homem como eu. Que pensa que se cada um pensar divinamente como o Cristo seremos bem melhores e resolveremos muitas das nossas problemáticas terrenas.

Eu agradeço pelo seu trabalho junto a Jesus, e a todas as músicas que vem até mim.

Meu choro é para que saiamos pelo mundo anunciando a presença dele Jesus, em Terra conforme a explicação científica, filosófica e religiosa elaborada por mim. Porém que prefiro dizer é apenas mais uma explicação dentre tantas.

Pois para tanto pode servir somente para mim, ou para quem vier a tomar conhecimento deste texto ou dos que se originarão a partir deste.

Gustavo José Meano Brito.’.

Gustavo Meano

Gustav Mean

Pietro II

Quando alguém é um rio que gera um oceano…

Ser revolucionário… Muitos são, mas poucos sabem disso.

É com este refrão da música cantada por Pe. Fábio de Melo que inicio este post para dizer que todos podem derramar a sua poderosa força de mudança.

Não só como a história da Virgem Maria contada na música de forma muito graciosa, todos nós devemos levar para nossas histórias transformação para o Bem!

Segundo uma tia minha chamada Olga, estamos a mesma mesa agora, ela Reza sempre e assiste a Rede Vida, TV Aparecida, e Canção nova, por este motivo. Podemos na humildade chegar perto do paraíso mais facilmente. E sentir todo o calor que Deus tem para dar.

Existe frio no paraíso, mas existem muitos mais pessoas para dar calor. E estes paraísos são diversos, tantos quantos são os planetas que podem abrigar a vida.

Quando vc tem alguma coisa que pode fazer bem a alguém, não guarde para você, pegue-a e de para alguém, pois ao contrário dos acumuladores, este gesto vai fazer bem a quem não tem mais ninguém.

Gustavo José Meano Brito.’.

Gustavo Meano

Gustav Mean

Pietro II

 

Na mesa que comecei a tomar gosto pelo estudo…

Hoje aos 41 anos posso me lembrar bem de quando comecei a tomar gosto pelo estudo pelos meus 15 anos de idade na mesma mesa.

O local já não é o mesmo, a mesa um pouco mais usada, mas a madeira que me inspira mais hoje do que antigamente parece ter mudado.

Minha mente mudou muito, minha maneira de pensar, tudo que eu passei e o lugar onde a mesa veio parar.

Espero um dia colocar esta mesa em lugar de destaque, pois foi aqui que escrevi e escreverei muitos dos meus posts diários para iluminar a humanidade.

Basta ter vontade que qualquer simples mesa ou lugar vira um exemplo de inspiração.

Uma mesa de família que servia para fazer as refeições em conjunto hoje fica em um lugar da família mater.

A casa dos Patriarcas dos Meanos. Lugar que eu bem sei o que se tornará.

Olá Iehuiah, hoje te recebo aqui na Parada 40 e vamos escutar o Salmo 33.

Gustavo José Meano Brito.’.

Gustavo Meano

Gustav Mean

Pietro II

Novas formas de Orar

Orar ativamente, pensando e agindo em função de bem comum do próximo, melhoria da humanidade, gerando ideias que se fortaleçam como ações e aumentem em potencial o que se está pensando, reverberando assim por todos.

Vamos ser mais Pró ativos Gustav Mean, você que tem tantas ideias, vamos desconstruir a sua inércia para entrar em novas fazer, e assim alças vôos maiores.

Temos pleno convencimento de que todos tem capacidade infinita em suas redes neurais, humanas, e todas as possíveis.

Liberdade dos Medos!

Oração em Ação!

 

Sou um Deus Criado pela Minha Humanidade

Foi a partir da minha razão que cheguei a conclusão de ser um Deus. Através dos caminhos da Ciência e das Religiões pude ver que muitos são padronizados, e nos levam as mesmas conclusões em consequência disto.

Estamos fadados a crer no que nossos pais ou nossa sociedade nos impõe, esquecendo que o melhor e ter o conhecimento já gerado e a partir dele criar nossos próprios conhecimentos.

Com isto em mente no ano de 2003 resolvi seguir padrões que encontrei em esquizofrênicos para descobrir o meu próprio distanciamento da religião devido ao meu afastamento da rotina católica apostólica romana que segui por um bom tempo. Onde fui consagrado Congregado Mariano, e Coordenador Geral de Encontro de Adolescentes com Cristo.

Porém desde 6 anos de idade eu me perguntava de onde eu vim e para onde eu vou. Na infância toda fui um isolado me ligando em filmes e séries de TV. Eu escrevia mensagens para mim mesmo como comunicação no futuro.

Na adolescência voltei a estes questionamentos no momento de escolher uma universidade, acabei por cursar Biologia, para entender melhor por que raios nos vivemos.

Segui um longo caminho até a maior das minhas descobertas científicas que até hoje estou em caminhos de experimentações para a comprovação para que qualquer um sinta o mesmo que eu sinta.

Passei por vários momentos de incompreenção da família, amigos, e companheiros de trabalho. Isto me levou a ser aposentado aos 36 anos por alienação mental.

Eu agia pura e simplesmente em nome do amor. Porém ninguém me entendia, pois para quem esquece o que é o amor em si e por si, amor desinteressado, amor universal, não faz sentido faze-lô dentro do trabalho a todo momento, distribuir coisas a desconhecidos, testar, enfim me tornei um ser totalmente diferente de todos e fui considerado fora dos padrões e um risco para mim mesmo.

Em função disto o que poderia ser um dos piores fatores da minha vida  uma internação forçada como esquizofrênico me levou a maior das descobertas que um homem pode ter.

Como se conectar diretamente com Deus.

Pode parecer estranho. Porém Deus é Você. Todos nós somos Deuses.

Naquele momento que eu estaria teoricamente sozinho, embalado pelos medicamentos que lançaram em meu corpo eu fiz uma proposta, de lutar pelo amor universal com todas as minhas forças.

E por este motivo, fui levado a cabo hoje, que o meu eu do futuro se comunicou com meu eu daquele presente, e do meu passado pois eu sou eterno.

Sempre existi e sempre existirei. Isto é comprovado com um simples olhar nas leis da termodinâmica que dizem que a energia se conserva e se dissipa. Não me cabe aqui entrar nesse mérito.

O que vim disser é que a minha humanidade, a minha racionalidade me fez em um ponto entre os anos de 2003 e 2015 chegar a conclusão óbvia que eu só posso ser Deus.

E para isto para seguir o método científico só pude criar hipóteses

H1 – Deus não Existe

H2 – Deus existe e sou Eu

H3 – Deus existe, e são vários, um Grupo seleto

H4 – Deus existe e todos são Deuses

Sei e tenho plena consciência que só vou ter certeza de que uma destas hipóteses é válida após a minha morte, porém é o preço que tenho que pagar para a mais brilhante de todas as coisas do universo que é a vida, seja ela criada por deus ou não. A vida e a capacidade de amar e o que há de mais iluminado em todos os seres de todos os mundos. Em todas as estrelas de todas as galáxias, em todos os big bangs que já ocorreram.

E nós temos a liberdade de pensar e passar isto a frente.

Peço que quem tiver acesso a este post aqui passe a frente, o mínimo que tenha lhe tocado.

E que defenda aquilo que você acreditar com a sua vida.

Seu sempre amado,

Gustavo José Meano Brito

Gustav Mean

Papa Pietro II

Iluminuras de uma noite sobre a ciência e as religiões nas doenças mentais

Meus amigos todos nós passamos por problemas mentais temos uma carga muito positiva a levar da vida, devemos apurar nossos dons.
Quando se toma medicamentos que mexem com o sistema nervoso central abrimos campos para diversos fenômenos parapsicológicos
Devemos saber como aproveitar estas oportunidades.
Se ouvimos uma voz ou vemos algo, ou temos um delírio é por um motimo
É algum espírito já reencarnado imediatamente, essa é minha fé, de que a vida é constante na roda dos mundos que está enviando informações.
Desde que me coloquei dentro do campo da esquizofrenia porque eu quis, eu estava buscando respostas para pessoas como o meu tio Clóvis, hoje eu vejo o quanto eu posso ajudar nesta área com auxílio dos médicos e psicólogos e de todos que participam de grupos de apoio trocando experiências como as nossas
Existem em diversas religiões fenômenos que são tão normais, porém dogmatizados que nos fazem perfeitamente normais frente eles. Santos que ouvem Jesus, veem maria, pessoas que servem de cavalos para orixás, médiuns que trabalham junto de espíritos para as mais diversas formas de expressar sua religião.
Isto se faz necessário pois o homem quer religar com Deus. Porém o maior dos deuses que podem existir é o Deus que está dentro de você mesmo. Ele sabe quem é Deus, e como comandar sua vida, com auxílio se necessário dos que caminham conosco pela vida em que estivermos vivendo em um dos mundos das rodas dos mundos.

Quando a ciência e as religiões evoluírem num mesmo sentido a propor por todos os seres de todos os mundos um ecumenismo universal baseado no amor universal, teremos uma grande dádiva a de podermos ter as soluções para tudo.

Gustav Mean

Papa Pietro II

 

 

Futuro do Kardecismo, junto ao Ecumenismo

Dentre todas as religiões o Kardecismo, que trata de uma ciência, filosofia e religião tem grandes ideias que se vincularam ao Ecumenismo Universal quando esta for a decisão de todos os habitantes do planeta terra. Porém pequenas adaptações junto a evolução das ciências química, física e biológica precisarão ser feitas para que tenhamos um entendimento do que nos aguarda no futuro.

Temos que no futuro entenderemos que os fenômenos hoje ditos espirituais pelos kardecistas, não são nada mais do que fenômenos telepáticos que acontecem entre as mentes reencarnados imediatamente, já que no futuro se saberá que a vida é um processo contínuo. E vamos tendo corpos iguais ou mais densos. Porém quanto mais próximos da qualidade de seres estelares, baseados em luz vamos ficando cada vez menos densos.

Tudo tem sua hora, e vamos seguir em frente no conhecimento de todo o amor universal que cada religião pode dar em prol do ecumenismo universal. Que é o futuro e que integrará todos os seres de todos os mundos em uma só crença e existência. O amor universal.

Paz, Bem e Amor

Gustav Mean

Papa Pietro II

Vida em Cristo amante da Fundação Sociedade do Amor​

Vida em Cristo amante da Fundação Sociedade do Amor​
Carríssimos,

Que todos os dias, só por 24 horas estejamos imbuídos do espírito de amor que inspirou Jesus Cristo, o humilde, o sábio, o filósofo, o artista, o cientista que conheceu tudo que pode para a época em que habitou entre nós.
Hoje temos 2 bilhões de cristãos totalizando todas as denominações que usam o nome de cristo em frente de sua fé. A natureza de cristo cativa a todos, porém devemos ver quantos estão aqui para servir como cristo serviu. Nossa humanidade pode ser superada em Cristo?
O dia que colocarmos nossos limites elevados ao infinito descobriremos o cristo em potencial que existe dentro de nós e poderemos viver em um mundo mais amoroso, já que do amor nós viemos e para o amor nós iremos.
Estamos prontos para fazer a grande refeição das ideias que foram partilhadas conosco por cristo e os outros avatares do amor.
Por isto, tendo em vista um melhor presente amemo-nos uns aos outros e celebremos a paz, o bem e o amor.

Niterói, 04 de março de 2015.

Petrus II

Vida em Movimento – Enviados

Vida em Movimento – Enviados

Amantíssimos,

Com base em Nossa Senhora temos que a vida é um movimento contínuo no qual nada pode parar, esta vida, processo contínuo não para nem com a morte. Para entender este processo devemos viver a espiritualidade com foco no amor que existe quando o homem busca deus em quaisquer religião.
A equipe faz mais sentido quando está pronta para servir um ao outro fortalecendo cada elo da corrente na qual todos são iguais apesar de posse[irem saberes diferentes. Seguir na mística da busca do conhecimento superior faz que nós seres em uma missão a do amor universal entendamos melhor o mundo.
A coesão proporcionada pela paz, bem e amor traz a vida uma contínua capacidade laborava que aumenta com a meditação diária sobre o tema enviados.
Todos nós somos enviados, enviados a conhecer o que buscamos. Quando focamos com firmeza no bem comum entendemos como Maria de Nazaré aceitou o destino de seu filho Jesus, e passamos a desejar que os nossos filhos sigam também este caminho no amor incondicional pelo amor em si e por si.

Niterói, 04 de março de 2015.

Petrus II